Assinatura RSS

On the other side.

Publicado em

Ainda tenho muito amor.

O sentimento mais clichê do mundo.

Nego com todas as forças, desviando sempre.

Não aquele amor colorido, doce, de cinema, de tardes ensolaradas e tons pastéis. Não.

Um amor silencioso, cinzento, ressentido, meio despedaçado. Cansado da própria existência nula. De respiração pesada, difícil. Do tipo que sangra… e como tudo que sangra demais, morre.

Ou mata.

Anúncios

Sobre Amanda

Uma atriz com um leão a rugir no peito.

Uma resposta »

  1. Cinzento como a própria alma, cinzento como o céu de chumbo que me cobre e enche de frio.

    (Não resisti, desculpa!)

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: