Assinatura RSS

Teia.

Publicado em

Ela esperava que doesse. A qualquer momento, em um de repente qualquer, num rompante de sinceridade: um grito. Coroado pela chuva que cairia em seguida. Os trovões abafariam o grito que viria direto de suas reentrâncias.

Sentou-se, deixando os braços soltos, o corpo curvado. Longa espera na infinitude de suas tímidas (des)esperanças. Preparava pacientemente as desculpas que daria se tudo falhasse, nos instantes seguintes.

Prostrada na sua decadência, olhos baixos, ensaiava a confissão dos seus desejos mais calados, um a um. Embaralhava memórias a fim de recuperar essências passadas, escassas e boas sensações de dias antigos e desbotados.

Via o tempo passar como fotografias sépias, observava os ciclos se repetindo, os minutos que antecediam todos os inícios e fins de suas frágeis andanças.

Esperava a chuva cair todas as tardes, àquela exata hora, olhando pela janela as gotas deslizando lentamente, os desenlaces de suas incoerências.

Timidamente, procurava desculpas para tantos caminhos percorridos em vão. Tentava espreitar o futuro a fim de se proteger de seus possíveis enganos.

Deixar-se foi a escolha mais difícil, ainda que se mostrasse como única. Única saída para o labirinto em se colocara, para a teia (que ela mesma tecera) em que se enredara através de suas incógnitas intenções.

Para não mais fugir, abriria mão de sua própria consciência e assim permaneceria: vazia. Porque só poderia encontrar a perfeição única e verdadeiramente no vazio.

Enquanto isso, esperava. Serena e simplesmente. Condensava-se em fios invisíveis e interrogações sem cor.

Anúncios

Sobre Amanda

Atriz da Cia CemCulpas e escritora de meia tigela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: