Assinatura RSS

nostalgia vermelha e a minha falta de criatividade para títulos

Publicado em

Quando pequena, acho que pintava as unhas de vermelho de brincadeirinha, de vez em quando, ou tinha vontade, não lembro ao certo. Queria ser uma mulherzinha, ou pelo menos uma partezinha queria. Hoje eu “continuo” pintando, e não sou uma mulherzinha. Continuo apenas sendo aquela criança que pinta as unhas de vermelho, mas agora, sem motivos especiais.

De lá pra cá, só dispensei o batom vermelho, dos meus cinco ou seis anos.
Troquei o batom vermelho daqueles tempos por uma nostalgia delicada, quase obrigatória, e irresistível.

Anúncios

Sobre Amanda

Uma atriz com um leão a rugir no peito.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: